quinta-feira, 2 de agosto de 2007

O açougueiro e os Livros

Tem um determinado açougue em Brasília em que o cliente, além de se deparar com o balcão habitual, ele tem aos seus olhos um ótimo acervo de livros. Uma excelente iniciativa de divulgação da cultura. Que ama os livros faz de tudo para que ele chegue a diversas mãos e que diversos olhos grudem as suas páginas. Um trabalho esplendoroso, digno de aplausos, assobios e demais reverências.

A matéria foi ao ar no Jornal Nacional (vasculhem neste link: http://jornalnacional.globo.com/Jornalismo/JN/0,,3586,00.html, o nome da matéria é: Açougueiro abre biblioteca no Distrito Federal). Mostra a dedicação dele junto com um professor – que se diz seu discípulo – em expandir a cultura, tornando acessível o livro. Eles tiveram a idéia de espalhar por diversos cantos da cidade estandes com os livros. O acervo pode ser requisitado a qualquer hora do dia e detalhe: é totalmente grátis. Iniciativas como essa que fazem o Brasil ser um país viável. Nossa criatividade é nossa maior competência.

2 comentários:

Andre disse...

Ei li esta materia achei muito bacana a atutude dele. No nosso estado as empreas podriam também ter esta iniciativa além de nós e claro

Glauco F Rodrigues Santos disse...

Sergipe é um ótimo lugar para aplicarmos essa idéia. Poucas são as bibliotecas públicas e são muito mal divulgadas. Só temos uma livraria especializada a um público mais abrangente. Então, vamos fomentar está ideía em nosso Estado.