terça-feira, 27 de janeiro de 2009

O Parque Eólico Coqueiro de Sergipe

Com a intenção de investimentos da Sowitec do Brasil Energias Alternativas Ltda em Sergipe, o estado pode ser tornar um dos maiores parques de geração de energia eólica da América Latina.

Representantes da empresa tiveram uma reunião com setores do governo do estado e da Adema e apresentaram o projeto do “Parque Eólico Coqueiro” a ser instalado no município de Santa Amaro das Brotas. Possivelmente o parque terá a capacidade de 156 MW através de 78 turbinas instaladas numa área de 22 km de extensão.

Segundo o diretor-presidente da Codise, em matéria do Jornal da Cidade, o Estado, em sua política energética, tem como prioridade o aumento da oferta de energia primária, incentivando a criação de parques de energia eólica e construção de usinas de biodiesel, que têm a vantagem de gerar energia limpa, o que reforça o caráter de desenvolvimento sustentável.

Por conseguinte, isso contradiz a ações do governo do estado, que tenta em todo custo a implantação de uma usina nuclear em Sergipe, que traria vultosos investimentos ao estado, mas estrondosos risco ambientais, que não são “ganhos” com investimento em energia nuclear.

2 comentários:

Rodrigo Schuster disse...

Também concordo que um grande atraso ecologico se as usinas nucleares forem instaladas, devido ao potencial de energia limpa, como é o caso da eólica. Mas, temos qie entender que os investimentos que essas usinas trazem são os atrativos para que os governadores nerdestinos estarem brigando para a sua construção e seu respectivo estado.

Abraço

Carlos Magno disse...

Seria inteligente por parta do governo do estado aproveitar as pontecialidades energeticas do estado em vez de trazer uma usina nuclear para Sergipe.